Pub

Em declarações à FigueiraTV, o socialista Carlos Monteiro justifica que pediu a suspensão de mandato de vereador na Câmara Municipal da Figueira da Foz para se dedicar profissionalmente, com a exigência de se inteirar dos assuntos nestes primeiros tempos, às novas funções como membro da Administração do Porto de Aveiro e da Figueira da Foz.

Sobre os pedidos de suspensão de mandato que se seguiram, de outros dois vereadores socialistas (Nuno Gonçalves e Mafalda Azenha), Carlos Monteiro apenas comenta que essa é uma decisão deles próprios, não extrapolando mais intenções.

Carlos Monteiro aproveitou a conversa com a FigueiraTV para revelar que não está nos seus propósitos voltar a ser candidato à presidência da Câmara da Figueira da Foz, Município que já liderou, tendo perdido o acto eleitoral de 2021 para Pedro Santana Lopes.
Em relação às próximas eleições para a Comissão Política Concelhia do PS, Carlos Monteiro reafirma que será recandidato a presidente, indo defrontar uma candidatura à liderança protagonizada por Raquel Ferreira.

Carlos Monteiro, como já tinha dito antes da marcação da data das eleições partidárias, reiterou à FigueiraTV que está disponível para um debate com Raquel Ferreira.

Pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui