13.2 C
Figueira da Foz
Sexta-feira, Abril 19, 2024

Sável e lampreia na ementa do Festival de Peixes da Figueira da Foz

EU REPÓRTER?

Metereologia

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -

A Associação Figueira Sabor a Mar vai organizar o 32.º Festival de Peixes da Figueira da Foz, que inclui o sável e a lampreia, de 3 a 12 de março.

“Apesar da sua escassez este ano, devido às condições climáticas que se têm feito sentir, estamos em plena época do sável e da lampreia, que é uma daquelas iguarias que desperta amores e ódios de igual intensidade: para combater a repulsa e experimentar ou para consumar a paixão”, refere a organização.

Para a Associação Sabor a Mar, a lampreia “é uma especialidade gastronómica que faz as delícias dos seus apreciadores e arrasta muita gente por este país fora na procura dos melhores locais que a confecionam”.

A foz do rio Mondego “é um local estratégico destas espécies, onde, nesta época, são vários os pescadores que se dedicam à pesca da lampreia, que dizem ser mais saborosa quando capturada antes da desova”.

O ciclóstomo entra no estuário do Mondego na Figueira da Foz e sobe o leito do rio para desovar.

O sável é também um peixe migrador, que deixa o mar para subir os rios na época da reprodução.

Segundo o comunicado, a construção de barreiras ao longo do Mondego (que são as mesmas para a lampreia) “tem sido apontada como uma das principais causas para a redução acentuada destas espécies, embora há anos que abunda à entrada da barra da Figueira da Foz, quando se prepara para subir o rio”.

“Por estas razões, a Figueira da Foz é uma cidade com tradição nestas especialidades gastronómicas como sável frito com açorda, sável de escabeche com açorda, arroz de lampreia, lampreia à bordalesa e folhado de lampreia, entre outras.

Citado na nota, o presidente da Associação Figueira Sabor a Mar, Mário Esteves, apelou a todos os empresários da restauração para se inscreverem no Festival de Peixes, “porque quanto maior for a participação, maior é o êxito”.

Durante o ano, seguem-se os festivais da Raia, de 14 a 23 de abril, das Caldeiradas, de 16 a 25 de junho, da Feijoada de Búzios, de 8 a 17 de setembro, e do Bacalhau e derivados, de 17 a 26 de novembro.

“São 50 dias de festivais de peixe na Figueira da Foz em 2023”, sublinha a Associação Figueira Sabor a Mar.

 

- Advertisement -

✚ Farmácias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -

Últimos Artigos

%d