Ciclovia do Mondego avança depois de contrato assinado pelos municípios de Coimbra, Figueira da Foz e Montemor-o-Velho

0
138
Pub

Os representantes dos municípios de Coimbra, da Figueira da Foz e de Montemor-o-Velho assinaram ontem, no Salão Nobre dos Paços do Concelho de Coimbra, um contrato interadministrativo  de delegação de competências para a CIM Região de Coimbra avançar com a Ciclovia do Mondego.

Segundo informações avançadas pela Câmara Municipal de Coimbra, “a empreitada que deverá ser lançada até ao final do ano, vai ligar Coimbra à Figueira da Foz, aproveitando todo o vale do Mondego, estando previsto serem infraestruturados 44 quilómetros de ciclovia, num investimento global previsto de 3,5 milhões de euros, que conta com financiamento comunitário”.

A cerimónia contou com a presença do Ministro do Ambiente e da Ação Climática, João Pedro Matos Fernandes que relembrou a importância de existirem projetos de mobilidade com “baixas emissões poluentes” e acrescentou que “nada é melhor que a mobilidade suave”.

O governante realçou que o Governo tem uma estratégia da mobilidade ativa, que conta com 300 milhões de euros para investimento na construção de 1000 km de ciclovia intermunicipal até 2030.

Segundo o Município de Coimbra, este percurso tem início no Açude-Ponte, “onde se liga aos restantes 20 km de ciclovia já existentes e que vão até ao Vale das Flores e à Portela. Já a jusante, este novo troço vai seguir pela margem esquerda do rio, junto à Estrada do Campo, até ao limite do concelho com Montemor-o-Velho, onde se irá ligar ao restante percurso ciclável até à costa atlântica na Figueira da Foz”.

Estiveram presentes nesta sessão o vice-presidente da CIM-RC, José Brito Dias, o presidente da Câmara Municipal de Coimbra, Manuel Machado, o presidente da Câmara Municipal da Figueira da Foz, Carlos Monteiro, e o vice-presidente da Câmara Municipal de Montemor-o-Velho, José Veríssimo, entre outros.

Fotografia divulgada pela Câmara Municipal de Coimbra

Pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui