Ecopista no Antigo Ramal Ferroviário da Figueira da Foz foi reprovada pelo Centro 2020

0
763
Pub

Os projetos Ciclovia do Mondego e a Ecopista do Antigo Ramal Ferroviário da Figueira da Foz (antiga linha até à Pampilhosa) foram reprovados pelos Programa Operacional Centro 2020 e a Comunidade Intermunicipal (CIM) da Região de Coimbra está a ponderar a apresentação de novas candidaturas.

Os dois projetos da CIM correspondem à intenção de investimentos de 3,5 milhões de euros e quatro milhões de euros, respetivamente, e tinham sido candidatados aos apoios do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), através do Centro 2020.

“Não vamos desistir. Estes projetos estarão sempre em cima da mesa”, disse o secretário executivo da CIM da Região de Coimbra, Jorge Brito, à agência Lusa.

Jorge Brito adiantou que o “chumbo” das candidaturas “está ainda a ser avaliado” pela entidade que as apresentou.

O mesmo responsável admitiu, contudo, que a CIM venha a optar por repor as candidaturas dos projetos no âmbito do Portugal 2030.

Em declarações à Lusa, corroboradas pelo presidente da Comunidade Intermunicipal, Emílio Torrão, que estava presente no momento, Jorge Brito recordou que a Ciclovia do Mondego e a Ecopista do Antigo Ramal Ferroviário da Figueira da Foz são projetos que visam a mobilidade sustentável, integrados na “estratégia de descarbonização” da economia da União Europeia.

 

Pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui