11.9 C
Figueira da Foz
Segunda-feira, Fevereiro 26, 2024

Professora agredida com murros e pontapés no Centro Escolar de Vila Verde

EU REPÓRTER?

Metereologia

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -

Segundo noticia, hoje, o Diário de Coimbra e o Jornal de Notícias, uma professora de 40 anos foi violentamente agredida por um grupo de dez mulheres no Centro Escolar de Vila Verde, na Figueira da Foz. As agressões ocorreram na sequência de uma altercação entre alunos que terá envolvido o filho de uma das agressoras.

Fonte da PSP de Coimbra confirmou ao JN que, na tarde de ontem, terça-feira, pelas 17 horas, cerca de dez mulheres, com idades entre os 25 e os 50 anos, agrediram uma mulher de 40 anos, professora de Educação Física na escola do 1.º ciclo de Vila Verde, na Figueira da Foz.

A vítima foi agredida com murros e pontapés e arrastada pelos cabelos pelas agressoras, enquanto era ameaçada de morte. Ficou ferida com gravidade e teve de ser hospitalizada. A PSP está a desenvolver diligências no sentido de identificar as agressoras.

Ao que o JN apurou, as agressões estarão relacionadas com uma altercação entre alunos ocorrida na véspera. A professora em questão viu e separou os alunos que se estavam a agredir mutuamente. Um deles ter-se-á queixado a familiares de que a docente o tinha agredido.

No dia seguinte, a mãe do aluno e outras familiares deslocaram-se à escola para tirar satisfações da professora. Ficaram à sua espera e quando esta se preparava para ir embora, ameaçaram-na de morte a agrediram-na a tal ponto que necessitou de ser transportada para o Hospital da Figueira da Foz com ferimentos graves.

 

- Advertisement -

✚ Farmácias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -

Últimos Artigos

%d