Ponte da Figueira da Foz condicionada ao trânsito esta terça-feira e na quarta

0
2413
Pub

No âmbito da empreitada “EN109, km 118+108, Ponte Edgar Cardoso. Substituição do Sistema de Tirantes”, procede-se a um condicionamento de tráfego, com a supressão parcial das vias esquerdas, entre as 08h30 e as 17H30 horas, com a seguinte programação:

No dia 29 de novembro (terça-feira) – Condicionamento da via esquerda no sentido norte/sul;

No dia 30 de novembro (quarta-feira) -Condicionamento da via esquerda no sentido sul/norte.

Este condicionamento tem por objetivo a execução de marcações rodoviárias de aviso de distanciamento entre viaturas para reforço das condições de segurança durante a fase de obra, estará devidamente sinalizado e será efetuado com o apoio das autoridades e de viatura móvel de sinalização de trabalhos.

A Câmara da Figueira da Foz e a Infraestruturas de Portugal relembram que a execução deste tipo de trabalhos está dependente da ausência de pluviosidade, pelo que, caso a mesma venha a ocorrer, os trabalhos em causa terão de ser adiados de novo.

Recorde-se que a Infraestrutura de Portugal (IP) adiou os trabalhos previstos para os passados dias 16 e 17 de Novembro na Ponte Edgar Cardoso, na Figueira da Foz, devido às previsões de chuva forte e persistentes para os próximos dias.
A requalificação e reforço da Ponte Edgar Cardoso, sobre o Rio Mondego, vai durar cerca de 21 meses, representando um investimento de 16,8 milhões de euros.
A Ponte da Figueira da Foz, como também é conhecida, projectada pelo professor Edgar Cardoso, foi a primeira ponte rodoviária com o tabuleiro ‘atirantado’ realizada em Portugal, tendo sido aberta ao tráfego em 1982.
De acordo com a IP, a partir de Fevereiro o trânsito será cortado no período nocturno, com excepção para os veículos de emergência, entre as 20h30 e as 6h30, excepto nas noites de sexta-feira para sábado e sábado para domingo.
A circulação pedonal, de bicicleta ou outros meios vai estar também impedida a partir do início dos trabalhos e durante toda a obra. Está previsto ainda a colocação de semáforos limitadores de velocidade para o trânsito que circular na ponte, de 1,4 quilómetros de extensão, e o corte alternado das duas faixas de rodagem, com circulação condicionada a uma via em cada sentido.
A parte mais importante da obra será a substituição dos tirantes, mas a intervenção inclui também o reforço das vigas do tabuleiro e do sistema de fixação do tabuleiro, reabilitação dos aparelhos de apoio, decapagem e pintura geral do tabuleiro metálico e trabalhos complementares de pavimentação, iluminação, drenagem, juntas de dilatação, reparação e protecção de superfícies de betão.

 

Pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui