15.3 C
Figueira da Foz
Sexta-feira, Abril 19, 2024

Águas do Baixo Mondego e Gândara candidata obras de sete milhões de euros em Montemor-o-Velho

EU REPÓRTER?

Metereologia

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -

A empresa intermunicipal Águas do Baixo Mondego e Gândara (ABMG) vai candidatar a apoios comunitários projetos para o concelho de Montemor-o-Velho no valor de cerca de sete milhões de euros.

“Prevemos investir mais de sete milhões de euros até 2028/2029, se os nossos projetos forem contemplados. Temos mais projetos, mas naquilo que achamos que é o racional do equilíbrio do pacote para a região Centro, a ABMG necessita de investir, no concelho de Montemor-o-Velho, quase 7,5 milhões de euros”, disse hoje, aos jornalistas, o presidente do conselho de administração da ABMG, Mário Jorge Nunes, à margem da visita às empreitadas realizadas no Município de Montemor-o-Velho.

No que respeita ao quadro comunitário Portugal 2030, a ABMG já tem finalizados, neste concelho, os projetos de construção das redes de Carapetos, Chãs, Porto Luzio, Casal da Areia, Casal dos Moutinhos, Ninho de Grou, Casal dos Silvas e Casal Raposo.

Existem seis projetos prontos a serem candidatados, que neste momento estão em fase de revisão, entre os quais a construção da rede de drenagem de Catarruchos, Arneiro, Tecelão, Pelicanos e Bizarros.

A empresa intermunicipal Águas do Baixo Mondego e Gândara (ABMG), que agrega os municípios de Montemor-o-Velho, Soure e Mira, vai candidatar a apoios comunitários, através do Portugal 2030, projetos que totalizam cerca de 15 milhões de euros.

Em 2023, a ABMG aprovou, em Assembleia Geral, um orçamento no valor de mais de sete milhões de euros e um plano de investimento de cerca de nove milhões de euros, do qual constam investimentos com recurso a fundos próprios de 1,3 milhões de euros.

“São as obras mais emergentes e que são necessárias para que o sistema funcione independentemente da velocidade a que os grandes investimentos andam”, frisou Mário Jorge Nunes.

A remodelação geral da estação elevatória de saneamento da Rua Nossa Senhora do Pranto, em Pereira, a remodelação de quadros elétricos e vários equipamentos de bombagem em elevatórias de saneamento, a melhoria na rede de abastecimento de água, em vários locais, a substituição de condutas, válvulas e outros equipamentos em vários reservatórios, assim como a substituição de bombas e melhoria das tubagens em várias captações são alguns dos investimentos executados com fundos próprios no concelho de Montemor-o-Velho.

A ABMG – Águas do Baixo Mondego e Gândara é uma empresa intermunicipal criada pelos municípios de Mira, de Montemor-o-Velho e de Soure com o objetivo de assegurar o abastecimento de água e o saneamento de águas residuais para um universo de cerca de 30 mil clientes e 53 mil habitantes.

 

- Advertisement -

✚ Farmácias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -

Últimos Artigos

%d