15.4 C
Figueira da Foz
Quarta-feira, Maio 22, 2024

Prémio João Ataíde 2023 vai distinguir personalidade jovem na área social

EU REPÓRTER?

Metereologia

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -

A Comunidade Intermunicipal (CIM) da Região de Coimbra abre segunda-feira as candidaturas para a segunda edição do Prémio João Ataíde, que vai distinguir jovens entre os 18 e os 35 anos com projectos na área social.

O anúncio foi feito esta sexta-feira, em conferência de imprensa, realizada no Quartel da Imagem, na Figueira da Foz, cidade onde nasceu a personalidade que dá nome ao prémio e foi presidente de Câmara, entre 2009 e 2019.

“Pretendemos distinguir os jovens em determinadas áreas e, desta vez, vamos tentar encontrar alguém que se distinga na área do desenvolvimento integral e processo de inclusão social de pessoas em situação de vulnerabilidade, num período muito particular da vida do país, em que as pessoas vivem com dificuldades, muitas vezes envergonhadas”, disse o presidente da CIM Região de Coimbra.

Emílio Torrão, que preside também ao Município de Montemor-o-Velho, salientou que o prémio quer distinguir “ideias concretizáveis”, numa área que era também uma preocupação de João Ataíde.

“No passado houve algumas candidaturas que eram só ideias, mas nós queremos concretização, realização e factos que evidenciem, que a ideia está a ser executada na prática”, sublinhou.

O prémio deste ano vai reconhecer um jovem que tenha um percurso profissional e pessoal no desenvolvimento de projectos que promovam o desenvolvimento integral e o processo de inclusão social das pessoas em situação de vulnerabilidade, potenciando as suas capacidades e favorecendo a igualdade de oportunidades, com especial enfoque no apoio às necessidades básicas, a recursos de habitação, à empregabilidade e à coesão social, em especial de pessoas em situação de vulnerabilidade extrema.

As candidaturas abrem na segunda-feira e encerram no dia 17 de Maio, destinando-se a jovens entre os 18 e os 35 anos de um dos 19 concelhos que integram a CIM Região de Coimbra.

O júri é constituído por Emílio Torrão, presidente da CIM Região de Coimbra, Maria Manuela Veloso, directora do Centro Distrital de Coimbra da Segurança Social, João Rodrigues, do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, Maria José Vicente, coordenadora nacional da Rede Europeia Anti-Pobreza e António Alberto Costa, delegado regional do IEFP.

O vencedor recebe um cheque de 5.000 euros e um diploma.

O Prémio João Ataíde de 2022 foi atribuído a Pedro Barbosa Ribeiro Girão, licenciado e mestrado em Gestão pela Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra (FEUC), que apoiou o desenvolvimento de um programa de formação e mentoria gratuita para estudantes de instituições de ensino superior de todo o país.

A CIM da Região de Coimbra criou este prémio como forma de reconhecer “o excepcional percurso do antigo secretário de Estado e antigo presidente da CIM Região de Coimbra, que também foi presidente de Câmara e deputado.

João Ataíde nasceu em 3 de Maio de 1958 na Figueira da Foz e morreu aos 61 anos, em 21 de Fevereiro de 2020, vítima de doença súbita.

A CIM considera que o prémio é uma forma de sublinhar “o inestimável contributo [de João Ataíde] em prol das pessoas e do desenvolvimento da Região”, prestando um “público apreço pela sua acção”.

Na conferência de imprensa, o presidente da Câmara da Figueira da Foz frisou que “o que ouve no dia-a-dia de trabalho relativo a tempos pretéritos distingue sempre muito o doutor João Ataíde”, destacando a “sua educação e caráter, por todos reconhecido”.

Pedro Santana Lopes destacou ainda a “extrema correcção e a grande dignidade institucional” do antigo autarca, mesmo depois de ter entrado a seguir a um tempo “de desequilíbrio financeiro do município muito significativo”.

A CIM da Região de Coimbra é constituída pelos 17 municípios que integram o distrito de Coimbra – Arganil, Cantanhede, Coimbra, Condeixa-a-Nova, Figueira da Foz, Góis, Lousã, Mira, Miranda do Corvo, Montemor-o-Velho, Oliveira do Hospital, Pampilhosa da Serra, Penacova, Penela, Soure, Tábua e Vila Nova de Poiares – e pelos municípios da Mealhada e de Mortágua, nos distritos de Aveiro e de Viseu, respectivamente.

 

- Advertisement -

✚ Farmácias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -

Últimos Artigos

%d