16 C
Figueira da Foz
Domingo, Fevereiro 25, 2024

Quatro detidos por captura ilegal de meixão na foz do Rio Arunca

EU REPÓRTER?

Metereologia

- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -

O Comando Territorial de Coimbra, através do Serviço de Proteção da Natureza Ambiental (SEPNA) do Destacamento Territorial de Montemor-o-Velho, ontem, dia 11 de janeiro, deteve três homens e uma mulher, com idades compreendidas entre os 20 e os 28 anos, por dano contra a natureza, nomeadamente, apanha de meixão, na Foz do Rio Arunca, no concelho de Soure.

No âmbito de uma ação de fiscalização à pesca ilegal de meixão, os militares da Guarda detetaram os suspeitos que estavam no leito do rio a retirar uma rede ilegal utilizada para a captura de meixão. No seguimento da ação foi possível constatar que os indivíduos já tinham na sua posse uma caixa que continha meixão capturado.

No decorrer da fiscalização foi apreendido o seguinte material:

· 37 gramas de pescado (restituído ao seu habitat natural);

· Uma catana;

· Diverso material destinado à captura do meixão.

Os detidos serão presentes no Tribunal Judicial de Soure, para aplicação das medidas de coação.

A enguia europeia, (Anguilla anguilla), que na fase larvar é conhecida por enguia juvenil/meixão, é uma espécie considerada em perigo e que tem sofrido grande redução em razão da pesca ilegal, impedindo desta forma o normal ciclo de reprodução, colocando em causa a sustentabilidade da espécie. O valor do meixão, no mercado final (países europeus e asiáticos), varia consoante os meses e pode alcançar um valor de seis mil euros por quilo.

- Advertisement -

✚ Farmácias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -

Últimos Artigos

%d